top of page
  • Pieter B.J. Ijzerman

Há uma maquina escavadora a trabalhar por baixo do Complexo Monumental de São Jerônimo, em Nápoles. Como é possível?




Texto original em Inglês: electrek


Por não ter emissões de escape que possam prejudicar as pessoas e contaminar o ar em espaços fechados, os equipamentos elétricos têm a capacidade de realizar trabalhos onde o custo do diesel convencional ou propano não pode ser justificado. Neste caso, não estamos falando de custo financeiro, mas de custo cultural – neste caso, no Complexo Monumental de São Jerônimo, em Nápoles, onde a Bobcat está colocando sua miniescavadora elétrica E10e para trabalhar, explorando o sítio histórico.


Situado perto do coração de Nápoles, o “Complesso Monumentale dei Girolamini” oferece uma riqueza de tesouros arquitetônicos, artísticos e outros tesouros culturais – incluindo um arquivo de música operática, uma incrível coleção de pinturas e esculturas e a lendária biblioteca do santo que traduziu pela primeira vez a Bíblia para o latim, contendo quase 160.000 livros com volumes que datam de mais de mil anos.


Por incrível que seja o local, no entanto, acredita-se que ainda há mais tesouros esperando para serem descobertos sob São Jerônimo, mas a natureza frágil de pinturas, livros e qualquer outra coisa que possa estar enterrada lá não deve ser exposta a partículas de diesel, fuligem ou emissões de ozônio antes que medidas possam ser tomadas para preservá-los e restaurá-los ... e é aí que entra a escavadeira elétrica Bobcat E10e.


Um delicado processo de conservação e exploração está em curso, e vem descobrindo novos vislumbres de como era a vida em Nápoles séculos atrás, com passagens, arcos e até salas inteiras que antecedem a construção de São Jerônimo já tendo sido descobertas. Nas imagens mostradas, um "piso antigo" foi alcançado, e uma escavação cuidadosa está em andamento para encontrar uma escada que leva à sala abaixo.


"O E10e provou ser perfeito para trabalhar nas escavações subterrâneas do Complexo Monumental, que é completamente fechado. O seu desempenho revelou-se o mesmo de um veículo motorizado, mas na ausência de ruído e sobretudo vibração, que são essenciais num contexto arqueológico", explica o gestor do sítio arqueológico, Ugolino Dottorini. "A miniescavadeira, equipada com uma caçamba desdentada para não correr o risco de arranhar nenhum artefato, vem cavando continuamente há 2 meses, garantindo a continuidade do trabalho graças à rápida recarga da bateria. O perfil de oscilação de cauda zero facilitou as operações mais complexas do projeto."


A Bobcat diz que sua E10e é a "primeira miniescavadora elétrica de 1 tonelada do mundo" e que sua bateria de íons de lítio livre de manutenção pode ser usada por até quatro horas de operação contínua com uma única carga. Com um super carregador externo opcional de 400V, a bateria pode ser recarregada até 80% da sua capacidade em menos de duas horas, ou ser totalmente recarregada durante a noite usando o carregador embutido conectado a uma tomada padrão.


Kommentare


bottom of page